8 de nov de 2012 | By: @igorpensar

Sou um Fracasso

Prezados leitores,

Todos nós temos trajetórias espirituais diferentes.  Deus providencia rumos específicos para cada um de nós de modo que sejamos moldados a seus planos e desígnios.  Sei que somos doutrinados e bombardeados com uma ideologia mundana e perversa, que tenta nos seduzir a medirmos nossa vocação e ministério, a partir dos critérios que o mundo da competição e da auto-celebração nos impõe.

Não tenho dúvida, que muitos de nós que somos chamados para algum ministério, fomos acometidos em algum momento de nossas vidas pela tentação de nos tornar "grandes" pregadores, ou trabalhar em "grandes" ministérios, alcançar "multidões" e termos nosso nome, de algum modo, respeitado perante os homens.    Esta tentação tem sua origem no pecado e naquele que se rebelou contra Deus.  E por mais que nos é imposta esta sedução da popularidade, devemos nos dispor a Deus, de modo que cumpramos sua vontade, o que na maioria esmagadora das vezes envolve um serviço anônimo, modesto e despretensioso.  A propósito, muitos ministérios ditos de "sucesso" são na verdade internamente fracassados, tomados pelas pretensões de um coração corrompido pelo poder e o fascínio por si mesmo.

Se somos cristãos de verdade, e especificamente, se fomos chamados a algum serviço ou ministério para a glória de Deus em Jesus Cristo, devemos tomar escolhas sérias e sóbrias a respeito do que isto significa.  Vejo que falta muita coragem, falta honradez e ombridade, para que determinadas escolhas sejam tomadas.  Sei que as pessoas entregues a determinados ministérios se vêem escravizadas pelo fascínio dos aplausos ou um "bom" salário, ou ainda, tentadas a apresentarem o tempo inteiro uma imagem de "ministros de sucesso".  Mas, reafirmo, este é um grande engano e um ídolo.

Agora, se você quer viver Cristo e entregar-se em serviço a Ele.  Não meça esforços e não se preocupe com que vão pensar de você, apenas lance-se em uma trajetória feliz e honrosa, perante Deus.  Claro, honra e alegria, que sem dúvida, não significam necessariamente os aplausos dos homens ou a celebração dos poderosos, as vezes, significa o anonimato, a discrição e mudanças radicais em sua vida.  As vezes, significa a dureza de viver com um orçamento no limite, contado com milagres todos os dias, viver sob o risco, que todos os grandes "fracassados" profetas da Bíblia também experimentaram.  Mas, tenha certeza, que a graça e a fé não te faltarão.

Fui profundamente afetado pelo documentário abaixo, ele sintetiza as mais profundas intensões do meu coração e do coração de vários amigos e irmãos que convivo.  Tenho certeza, prezado leitor, que você pode ser mais um a se colocar de pé e descobrir que seu ministério, pode ser um ministério "fracassado", como o meu.  E finalmente, abrir mão deste fardo mundano, que colocaram sobres seus ombros, a ilusão de que o caminho de Cristo é o caminho da "popularidade" e do "poder".  Não!  O caminho de Cristo é um caminho de dor, sofrimento, adversidade e renúncia.  Entretanto, uma vida sob a plena e renovada fé que Jesus Cristo já venceu o mundo.

Por favor, assista este vídeo até o fim, sem interrupções, e se deixe ministrar pelos testemunhos e comentários aí presentes.

Eu agradeço a Deus por este documentário, disponibilizado pelo site Voltemos ao Evangelho e ao irmão Yago Martins, este jovem, que nos identificamos, por sua paixão e amor pelo Evangelho puro e simples.  Junte-se a este exército de homens quebrados, fracassados e vulneráveis, que carecem da graça generosa que nos foi disposta em Cristo Jesus.


0 comentários: