19 de jul de 2010 | By: @igorpensar

Coração Hospitaleiro

Por Igor Miguel

Ter um coração hospitaleiro envolve ter o lugar onde guardamos nossos valores e aspirações aberto a novas compreensões, percepções e vínculos.

A hospitalidade envolve criar um ambiente de acolhimento e responsabilidade com aquele que chega. Hospitalidade é abertura, abertura é generosidade. Abrir-se é dizer para o outro: "-- Entra! Há espaço aqui."

Hospitalidade é uma renúncia libertadora do cativeiro da vida privada. A entrada do outro no coração, envolve a quebra de determinados costumes, rotinas e manias. Significa conhecer o diferente e ouvir seus contos e histórias. Hospitalidade envolve ouvir e conhecer. Ouvir o que se traz e conhecer o que foi dito. O anfitrião deveria estar preparado para acolher o não-convencional.

Hospitalidade é permitir ao peregrino o descanso para os pés cansados, alimentar o estômago vazio, molhar a boca seca e trocar as roupas empoeiradas.

Hospitalidade é apelar ao peregrino que entre na tenda. Envolve interromper a jornada do que passa e convidá-lo a se aproximar. Hospitalidade é ouvir o que bate à porta, abri-la e sentar-se à mesa posta[1] com aquele que pede guarida e acaba nos ensinando a arte de morar em tendas.

"Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve." (Mateus 11:28-20).
_____________________________
[1] Shulchan Arúch: Um conceito judaico que envolve a sacralidade do comer junto. A refeição comunitária envolve um ato de santidade.

3 comentários:

Restaurando Vidas no Amor de Deus disse...

Amei o artigo! Coloquei no meu blog com sua referência (Nome)! Tem problema? Shalom!

Fernanda Lima disse...

Fantástico texto!
Bebo até embriagar a alma!
Propício para todos os dias!!!

Anônimo disse...

Coração simples, humilde, porém grandioso no acolher, como de David que desejou em todo tempo acolher D'us na terra, um local de morada eterna. Como Yeshua que abriga em sua tenda todos que à ELE se achegam, e que humildemente também anela por habitar conosco;"Eis que estou à porta e bato ...".
Shalom amados.